Convocação Eleitoral da ARQIMAR 2015

Convocação Eleitoral ARQIMAR 2015 001

Advertisements

Prêmio de Cultura do Governo do Rio de Janeiro 2012_2013

Vejam abaixo a grande oportunidade que o Quilombo da Marambaia tem de ganhar o Prêmio de Cultura do Governo do Estado do Rio de Janeiro.
Para isso é necessário que você entre no link que encontra-se na mensagem abaixo e no site para onde você for redirecionado entrar na opção Costa Verde e marcar o Quilombo de Marambaia. Ajude nossa comunidade ganhar esse prêmio vote quantas vezes puder. A comunidade agradece.
Atenciosamente,
ARQIMAR.
Prezado Presidente Nilton Alves,
                                                                                               
Tenho a alegria de informá-lo que pela relevância de seu trabalho para a cultura do Estado do Rio de Janeiro o Quilombo de Marambaia foi indicado como um dos concorrentes ao Prêmio de Cultura do Governo do Rio de Janeiro 2012_2013.
  
Uma Comissão Especial e mista, composta por membros da sociedade civil, de notório saber, e membros da Secretaria Estadual de Cultura, nomeada no DOERJ, por resolução da Secretária Estadual de Cultura, indicou dez concorrentes de cada região, dentre os quais está incluído o seu projeto. Caberá à essa Comissão, definir 2 (dois) premiados dos 10 indicados por região. Porém, essas indicações também serão submetidas ao voto popular, que premiará mais 1 (um) concorrente de cada região, resultando em 3 (três) ganhadores por região, sendo trinta premiados no total.  A relação completa com os dez indicados de cada região, encontra-se disponível para votação, no portal da Secretaria: http://www.cultura.rj.gov.br/premio-de-cultura. Nessa edição serão 3 premiados por região, 2 definidos pela Comissão e 1 fruto do voto popular.
 
O evento de premiação acontecerá nos dias 09, 10 e 11 de maio de 2014, no Parque Lage, RJ, dentro de uma grande Mostra Cultural, que apresentará diversas manifestações culturais de todo o estado. Será uma oportunidade de apresentarmos um painel da diversidade cultural de nosso estado para todos os cidadãos e instituições.
 
O Prêmio de Cultura do Governo do Estado do Rio de Janeiro 2012_2013, que está em sua terceira edição, nasceu da junção de três premiações estaduais, que unidas, potencializam sua abrangência e prestígio a projetos e/ou instituições, que se destacaram no cenário cultural, nos anos de 2012 e 2013, nos critérios de relevância, abrangência e representatividade, sendo obrigatórioque os concorrentes sejam sediados no estado do Rio de Janeiro.
 
Nessa edição, foi abolida a divisão por categorias para respeitarmos à diversidade cultural do estado. Por isso, optamos por premiar 3 (três) ações culturais por região, sendo adotada a divisão regional do Plano de Cultura, que considera dez regiões, a saber: Costa Verde, Médio Paraíba,  Baixada Litorânea, Centro Sul, Norte, Serrana, Metropolitana Rio, Metropolitana Baixada, Metropolitana Leste e Noroeste.
 
Qualquer dúvida entre em contato com a Superintendência de Artes desta Secretaria, pelos telefones 21 – 2333-1385 / 2333-1397.

PARABÉNS!!!
   
Secretaria Estadual de Cultura do Rio de Janeiro.

Dados do Quilombo da Marambaia segundo o IBGE

Censo 2010 do IBGE sobre Quilombo da Ilha da Marambaia

O Censo de 2010 do IBGE declara que a população do Quilombo da Ilha da Marambaia possui 94,1 % de pretos e pardos dos 424 moradores, são alfabetizados 177 mulheres e 213 homens dos pretos e pardos, a maior parte das mulheres possuem idade entre 15 e 19 anos e maior parte dos homens possuem idade entre 45 e 49 anos. Os domicílios são 100% de casas (100 casas) com 89% de casas próprias, a maior parte das casas possuem 03 moradores por residência, com 98 residências possuindo outras formas de abastecimento de água, 99 % das residências possuem banheiros ou sanitários, a maior parte das residências tem o lixo coletado e maior a parte das residências não possuiam energia elétrica.

Esses dados foram coletados da página do IBGE na internet e podem ser conferidos detalhadamente no link: http://www.censo2010.ibge.gov.br/painel/?nivel=st.

Comunidade Quilombola da Ilha da Marambaia tem dois momentos históricos em seus 10 anos de existência

No dia 08 de junho de 2013 foi realizada a festa em comemoração aos 100 anos do Sr. Joel Rosa de Lima, o quilombola mais antigo da comunidade. Seu Joel como é conhecido na comunidade é um senhor detentor de uma memória belissima e até os dias de hoje conta como foi a vida na Ilha da Marambaia quando no tempo da escravidão, fatos esses que foram passados pelos seus antepassados, como seus pais, avós e seus tios. Ele relata com muita propriedade o tempo áureo do Quilombo da Ilha da Marambaia, quando da chegada da Escola de Pesca administrada pelo Sr. Raphael Levy Miranda, presenciou e vivência a vida no quilombo com a chegado do Comando Militar que administra a Ilha da Marambaia. Seu Joel ajudou a fundar e participa da ARQIMAR – Associação da Comunidade dos Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia que completou 10 anos de luta e resistência defendendo os interresses dos quilombolas da Ilha da Marambaia.

No dia 09 de junho de 2013 foi realizada a posse da nova Diretoria da ARQIMAR – Associação da Comunidade dos Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia para o biênio 2013/2015. O evento aconteceu na Praia Grande na residência da Srª Beatriz Innocêncio assim como aconteceu a 10 anos atrás quando da posse da 1ª Diretoria da ARQIMAR. O evento contou com a participação de quilombolas de todas as praias da Ilha, a nova Diretoria da Associação Quilombola mesclar juventude e experiência contando com a participação de jovens lideranças e de membros mais experientes (que estão a frente da comunidade desde a sua fundação). Em 10 anos de existência a ARQIMAR elegeu o seu 3º presidente, depois de ser presidida pelo Sr. Dionato Eugênio que foi o 1º e é o atual presidente da Associação Quilombola e pela Srª Vania Guerra que ficou a frente da comunidade quilombola por dois mandatos, agora chegou a vez da comunidade quilombola ser presidida pelo Sr. Nilton Alves que compos a seguinte Diretoria:

  • Presidente: Nilton Alves

  • Vice-presidente: Agrio Santana

  • 1ª Secretária: Jaqueline Alves

  • 2ª Secretária: Sonia Machado

  • 1º Tesoureiro: Fabio Marçal

  • 2ª Tesoureira: Glória Machado

  • 1ª Diretora Social: Vania Guerra

  • 2º Diretor Social: Denilson Eugênio

  • 1º Direror de Pesca: Elcio Santana

  • 2º Diretor de Pesca: Antonio de Carvalho

  • Presidente do Conselho Fiscal: Lourival Mariano

  • Vice-presidente do Conselho Fiscal: Joeci Eugênio

  • Secretária do Conselho Fiscal: Rita Marçal

A nova Diretoria quilombola tem como principal objetivo manter o foco na TITULAÇÃO DE SUAS TERRAS e buscar melhorias para a comunidade através das políticas públicas que a comunidade tem direito. São 10 anos de luta e resistência superando as adversidades e buscando ter uma comunidade mais justa e respeitada.

 Atenciosamente,

 ARQIMAR

DSCF3755DSCF3776

ESCLARECIMENTO SOBRE QUILOMBO DA MARAMBAIA!

Venho por meio deste, esclarecer o mal entendido ocorrido no dia de ontem com relação à matéria vinculada no site http://racismoambiental.net.br com o título de Quilombo da Marambaia, urgente!

O fato ocorrido é que em uma ronda que os militares costumam fazer em época de feriado prolongado, constataram que na Praia da Pescaria Velha localizada no Quilombo da Marambaia, havia algumas barracas onde alguns visitantes estavam alojados, devido o fato das residências dos quilombolas serem pequenas e de abrigarem várias famílias em uma mesma residência e sendo assim não tendo espaço suficiente para abrigar os visitantes dos quilombolas.

Os militares identificaram de quem eram os convidados (visitantes), de que forma entraram na Ilha, fotografaram as barracas e convocaram os quilombolas responsáveis pelos visitantes para comparecerem no Comando do CADIM (Marinha) para prestar esclarecimentos em data a ser marcada.

Esses fatos foram apurados pela ARQIMAR (Associação da Comunidade de Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia) junto aos quilombolas, caso tenha algo que não foi esclarecido pedimos que as pessoas que presenciaram ou participaram do fato entre em contato com a ARQIMAR para maiores esclarecimentos através desse blog: https://quilombodamarambaia.wordpress.com ou pelo e-mail: arqimar@yahoo.com.br.

Atenciosamente,

ARQIMAR – Associação da Comunidade de Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia. Sede Provisória: Praia do Sítio nº 10 Ilha da Marambaia, Mangaratiba – RJ CEP: 23860-000.

Feliz 2013!

A Comunidade dos Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia deseja a todos um feliz ano de 2013, com muita saúde, paz, conquistas, vitórias e que ninguém desista dos seus sonhos, que estes sonhos se tornem realidade nesse ano que se inicia. A todos um 2013 abençoado e saudações quilombolas.

9º Festa da Consciência Negra da Comunidade Remanescente do Quilombo da Ilha da Marambaia

Mangaratiba – RJ, 20 de novembro de 2012.

     Bom dia a todos os presentes, primeiramente gostaríamos de agradecer a Deus, pois sem a permissão dele essa Festa não aconteceria, agradecemos a todos os presentes e ausentes que contribuíram para a realização desse nosso evento.

A Comunidade de Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia está localizada no Município de Mangaratiba no litoral Sul Fluminense do Estado do Rio de Janeiro. Distribuídas pelos dois pontos extremos da Ilha, as antigas casas de alvenaria e estuque abrigam uma população de cerca de cento e noventa e quatro famílias descendentes, direta ou indiretamente por meio dos casamentos, de escravos. Durante o período da escravidão, a Ilha era mantida por seu dono como local de “engorda” de escravos, antes de serem vendidos para outras fazendas. Pouco antes de morrer, o Comendador Breves, doou, verbalmente, toda Ilha para os ex-escravos que ainda permaneciam nela.

A Comunidade viveu grandes momentos na década de 40, quando a época, o então Presidente Getúlio Vargas proporcionou momentos de avanços e prosperidade para a Comunidade Quilombola, principalmente com a criação da Escola Técnica de Pesca Darcy Vargas que mantinha em suas dependências: Fábrica de beneficiamento de pescado, Fábrica de gelo, Fábrica de confecção de redes de pesca, Farmácia, Hospital, Correio, Estaleiro para reparo de embarcações que abrangia os pescadores de todas as regiões do país, a Escola de Pesca era administrada pelo Dr. Raphael Levy Miranda que proporcionou oportunidades para jovens de todo o país. Levy Miranda ficou conhecido como o pai dos pobres e é lembrado até hoje pela comunidade.

Em 2002, o Ministério Publico Federal através de um relatório preliminar sobre a área dá entrada em uma Ação Civil Pública pedindo o reconhecimento da comunidade como remanescentes de quilombo. A Fundação Cultural Palmares se pronuncia sobre o reconhecimento dos ilhéus como comunidade remanescente de quilombo, dando a Comunidade a Certificação de Remanescente de Quilombo. Em março de 2003, depois de muitos obstáculos é fundada a ARQIMAR – Associação da Comunidade dos Remanescentes de Quilombo da Ilha da Marambaia. A comunidade tem um Processo de Titulação de suas Terras que esta paralisado desde 2006, quando em 14 de agosto de 2006 o INCRA publicou o RTID (Relatório Técnico de Identificação e Delimitação do Território) no Diário Oficial da União e em 15 de agosto do mesmo ano por pressão da Casa Civil o INCRA despublicou o Relatório Técnico de Identificação e Delimitação do Território (RTID), e até o momento não houve qualquer ação para regularização fundiária das famílias residentes na Ilha.

A comunidade hoje conta com uma Escola de Ensino Fundamental mantida pela Prefeitura de Mangaratiba, é beneficiada pelos Programas do Governo Federal como: Bolsa Família, Fome Zero, Hortifrúti e mais recentemente com o Luz para Todos.

Estamos realizando hoje a 9º Festa da Consciência Negra e a comunidade ainda carece com a ausência de politicas públicas como: transporte, saúde, saneamento básico e outras.

A comunidade já teve muitas conquistas, mas continua na luta pela TITULAÇÃO DE SUAS TERRAS, que é o objetivo maior dessa comunidade.

Agradecemos a presença de todos e esperamos que saiam desse evento, enriquecidos com a cultura Afro-brasileira e mais conscientes dos direitos da população negra, direitos esses que ainda são violados em grande parte do Brasil. Que todos tenham uma boa Festa.

 

Texto lido na abertura da 9º Festa da Consciência Negra da ARQIMAR.